A IMPORTÂNCIA DO SEGURO SAÚDE AO ENTRAR NO CANADÁ

Ao fazer um  intercâmbio no Canadá ou apenas visitar o país, muitas pessoas não pensam na possibilidade de ter um acidente ou ficar doente, e por isso podem achar que investir em um seguro saúde é um desperdício de dinheiro. Mas independente do tempo que você pretende passar no país, providenciar um seguro-saúde é essencial. Os custos com médicos e hospitais em Ontário e outras províncias canadenses costumam ser caros, e a melhor forma de evitar grandes despesas é se preparar para qualquer imprevisto.


A saúde no Canadá tem um alto custo e procedimentos como internação ou utilização de ambulância ou até uma simples consulta de rotina pode pode sair caro. Podemos citar como exemplo  o serviço de socorro em uma ambulância. Caso seja necessário, este serviço não sairá por menos de $500. Se for preciso o uso de um helicóptero, o valor pode chegar à mais de $2,500. Muitos hospitais pedem um Cheque Caução no valor médio de $700 para que estrangeiros possam ser atendidos. Os atendimentos de emergência não são recusados, caso o paciente não tenha dinheiro ou cartão de crédito, porém a pessoa receberá a conta após a finalização do tratamento. O custo  de uma internação hospitalar tem uma média diária de $1.960 dólares. Diária na UTI chegar a custar  $8,000

Por estas razões, embora não seja obrigatório ter um seguro-saúde para entrar no Canadá, é extremamente aconselhável que você saia do Brasil com um já contratado.

 

Seguro Saúde para estudantes no Canadá

Para diversas escolas de idiomas, Colleges e Universidades no Canadá, o seguro de saúde é obrigatório. As instituições canadenses pedem que os estudantes contratem um plano de saúde privado, se não houver nenhuma opção pública disponível. A maioria das instituições possuem seus próprios planos.

Na província de Ontário os estudantes podem optar pelo  Plano de Seguro-Saúde Universitário (UHIP), que será valido também para aqueles que possuem visto de trabalho. O UHIP cobre serviços hospitalares, ambulância, exames de diagnóstico, raio-x, ortopedia, cirurgia dentária realizada em hospitais e cuidados emergenciais fora da província.

canada

 

Conselhos para adquirir um bom Seguro-Saúde internacional

  • Antes de contratar qualquer seguro-saúde, procure se informar sobre os diferentes planos oferecidos.
  • Leia a apólice, veja o que está incluso. Fique atento ao valor da cobertura do plano escolhido. O ideal é comprar uma apólice que garanta cobertura completa, desde gastos hospitalares, médicos e ambulâncias. Opte por planos com cobertura a partir de 30 mil dólares.
  • Outro aspecto importante na hora da compra é o de observar a forma como seguro poderá ser usado. Portanto, confira se o seguro garante pagamento direto de gastos hospitalares e médicos. Como muitos seguros trabalham com um sistema de reembolso, algumas empresas requerem que o cliente pague primeiro as despesas para somente depois obter o ressarcimento. É importante guardar todos os recibos de despesas hospitalares para garantir o dinheiro de volta.
  • Mantenha em fácil acesso toda a documentação necessária para acessar o seguro enquanto estiver no Canadá, e procure se informar como agir em casos de emergência.
  • Antes da sua viagem para o  Canadá, verifique  e faça um check-up completo para verificar a sua saúde. É sempre melhor prevenir do que remediar.
  • O importante é que você esteja coberto por um seguro-saúde durante toda a sua estadia fora do Brasil e informado ao máximo sobre como ele funciona caso seja necessário.

No mais, aproveite bem a sua viagem!

A MJ Consultoria pode auxiliar você em todas as etapas da sua aplicação para o visto de estudos, turismo ou de Residência permanente e inclui o suporte do inicio ao fim do processo.

Fale conosco pelo e-mail: contato@mjconsultoria.com.br

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima