Taxa de desemprego cai no Canadá. Mais de 13.500 novos empregos são gerados

 

Enquanto lutava contra um enorme incêndio florestal e problemas no mercado de trabalho, o desemprego na província de  Alberta aumentou, e o total de horas trabalhadas atingiu sua menor marca em 30 anos. O Statistics Canada divulgou o seu primeiro relatório sobre o mercado de trabalho, e que coincidiu  com o incêndio massivo que atingiu a região.  Segundo o relatório, foi constatado que a taxa de desemprego de Alberta subiu de 7,2% para 7,8%  em maio, após a perda de 24.100 postos de trabalho em diversas indústrias. As maiores quedas foram observadas nos setores de recursos naturais, construção e serviços profissionais.

 

Statistics Canada também diz que o número total de horas trabalhadas em Alberta diminuiu 5,1% – a maior queda mensal desde maio de 1986. Houve uma redução de 53800 vagas de emprego em Alberta entre Maio de 2015 a Maio de 2016, o equivalente a 2,3%.

 

 

 

A história foi diferente no restante do país onde os números de postos de trabalho superaram as expectativas.

 

 

Screenshot-2016-06-10-12.06.11

A taxa de desemprego caiu para 6,9% contra  7,1%  em abril, de acordo com o Statistics Canada

 

 

Em todo o Canadá, o relatório mostrou  um ganho global de 13.800 postos de trabalho em maio, com grande destaque para as posições do setor público. O aumento ajudou a empurrar a taxa de desemprego para baixo ficando em 6,9% , contra  7,1%  – o menor nível desde julho do ano passado.

 

O número de empregos Full time subiu para  60.500, enquanto os Part-time  caíram para 46.800.

 

O número de posições de funcionários no Canadá cresceu em Maio para 24.800, enquanto os empregos assalariados diminuíram para 11.100.

 

Na categoria de emprego para jovens, representando os trabalhadores de 15 a 24, caiu para 35.400 empregos no mês passado. Ao longo dos últimos 12 meses, as perdas nesta categoria atingiram 82.400 – um declínio de 3,3%.

 

No geral, porém, a taxa de emprego no canadá subiu  0,6% em comparação ao ano anterior, segundo o relatório.

 

Os dados do relatório superaram  as expectativas de vários economistas, que previam que a taxa de desemprego ficaria inalterada nos 7,1% , segundo a Thomson Reuters.

 

 

ex-unemployment-091015_frame_339

 

 

Veja mais detalhes da pesquisa aqui: http://www.statcan.gc.ca/tables-tableaux/sum-som/l01/cst01/lfss01a-eng.htm