Part Time Jobs foram o motor do emprego no Canadá em 2016

 

 

 

A economia Canadense superou as expectativas em dezembro de 2016 ao criar 54.000 novos postos de trabalho, com um grande impulso em empregos Full time e  compensou a queda dos postos de trabalho Part time.

Apesar dos progressos, a taxa de desemprego aumentou 0,1 pontos percentuais situando-se em 6,9%, porque mais pessoas participaram do mercado de trabalho.

Segundo dados do Statistics Canada, foram criados um total de 81.000 empregos em tempo integral e foram eliminados 27.000 empregos de  tempo parcial.

Ao longo de 2016, o emprego aumentou 1,2% no Canadá, o maior crescimento desde 2012.

 

 

 

Apesar dos bons sinais, como o crescimento do emprego Full time, as estatísticas mostram que a economia ainda está lutando para lidar com as consequências da queda dos preços do petróleo. O avanço de dezembro ainda não foi suficiente para compensar o crescimento dos empregos Part time, quando se analisam do ano: nenhum progresso na criação de emprego Full time, quanto ao Part time job registrou um aumentou em 4,5 %.

 

Em Quebec foram criados 20.000 postos de trabalho em dezembro, todos em tempo integral, mas à medida que mais pessoas foram à procura de trabalho, a taxa de desemprego subiu de 0,4 pontos percentuais para 6,6%, ainda abaixo da média nacional.

 

Enquanto isso, em Ontário, a taxa de desemprego foi de 6,4% e não registrou mais variação.

 

Em Alberta, uma província que ainda está sofrendo os efeitos da queda dos preços do petróleo nos mercados internacionais, o desemprego caiu para 8,5%, após registrar 9,0% em novembro.

 

A taxa de desemprego em British Columbia foi de 5,8% em dezembro, uma queda de 0,3 pontos percentuais. Esta província ocupa o lugar que já esteve Saskatchewan (província petrolífera) a ser a região com o menor desemprego em todo o país. No entanto, os analistas acreditam que o brilho de British Columbia no emprego é opaca ao longo do ano, enquanto o mercado olha para as consequências da queda na venda de imóveis após o imposto cobrado para os compradores estrangeiros.

 

Se falarmos sobre os setores que mais contribuíram para o emprego deve-se ressaltar serviços financeiros e de informação, cultura e lazer, enquanto a produção e os recursos naturais foram as perdas mais graves, considerados essenciais destes para a criação de emprego e o progresso real da economia.

 

Fonte:  http://nmnoticias.ca/179043/statistics-canada-tiempo-parcial-tiempo-completo-canada-economia-canadiense/

 

Fale com a MJ Consultoria:  contato@mjconsultoria.com.br